Rádio Líder do Vale

4 de abr de 2012

Lei torna obrigatoria a flexão de gênero em diplomas para mulheres.

Lei torna obrigatória a flexão de gênero em diplomas para mulheres

Mulheres já formadas poderão requerer a instituições a emissão gratuita de um novo certificado
A lei que torna obrigatória a flexão de gênero em diplomas foi publicada nesta quarta-feira no Diário Oficial da União. As instituições de ensino terão de empregar a flexão de gênero para nomear profissão ou grau nos diplomas expedidos a mulheres.

Geralmente, o masculino é o gênero utilizado pelas instituições de ensino para denominar profissão ou graduação, para pessoas de ambos os sexos. Pelo texto da lei, as mulheres já diplomadas poderão requerer das instituições outra emissão gratuita dos diplomas, com a devida correção.

A lei, de autoria da ex-senadora Serys Slhessarenko (PT-MT) foi sancionada depois de aprovada pela Câmara e pelo Senado.
http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2012/04/lei-torna-obrigatoria-a-flexao-de-genero-em-diplomas-para-mulheres-3716497.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário